Make your own free website on Tripod.com

Igreja Presbiteriana do Brasil
 

A história do Brasil está ligada ao Movimento Reformado do Século XVI, iniciado e levado a efeito na Europa. O presbiterianismo reformado foi a primeira tentativa de evangelismo em nossa Pátria através de um grupo de franceses calvinistas que entraram no Rio de Janeiro em 1557.

Este grupo de Presbiterianos (Huguenotes) pretendiam fundar aqui uma Colônia cujo o nome seria França Antártica. A colônia deveria caracterizar-se pela tolerância religiosa. Havia no grupo três pastores que tinham o objetivo de dar assistência aos colonos que vieram e pregaram o evangelho aos nativos. Mas foram expulsos do nosso País dez anos depois de sua chegada (1576).

Outra tentativa de implantação do Movimento Reformado no Brasil, se deu com os holandeses que invadiram o nordeste de nosso país. Eles tentaram implantar o presbiterianismo em 1624; quando uma esquadra holandesa chegou a Salvador, na Bahia, onde ficou até 1625. Expulsos da Bahia, eles reorganizaram e invadiram Pernambuco em 1630. Mas foram definitivamente expulsos de nossa Pátria em 1654, e as comunidades reformadas que eles haviam implantado no nordeste desapareceram.

Todas essa tentativas de evangelizar o Brasil por vias de invasão foram frustradas. Será que foram? Essa é a maneira humana de ver os fatos. Deus promete que a Palavra que sair de Sua boca não voltará vazia a Ele, mas fará o que Ele deseja e prosperará naquilo ao que ele designar (Isaias 55:11).

A implantação definitiva do Presbiterianismo no Brasil, se deu através do trabalho de missionários que aqui vieram, exclusivamente para evangelizar os brasileiros. E nesta semana (12/08) estamos comemorando 138 anos de presbiterianismo em território brasileiro. O primeiro missionário presbiteriano, que chegou a 12 de Agosto de 1859, foi o Rev. Ashbel Green Simonton. Era um jovem americano de 26 anos de idade. Formado no Seminário de Princeton e ordenado pelo Presbitério de Carlisle.

A partir da chegada desse missionário ao Brasil, que deu sua vida pela obra de Deus entre nós; Deus foi abrindo as portas, o Reino de Cristo começou a ser implantado em todo o território nacional, outros missionários foram sendo enviados para ajudá-lo e milhares de almas libertas por Cristo, uniram-se à Igreja de Jesus. O trabalho foi difícil, mas a Obra era de Deus e continua sendo, por isso não houve desalento por parte dos pioneiros nem pode haver por nós, continuadores da obra.

A Igreja Presbiteriana do Brasil hoje, não é a maior denominação evangélica no Brasil, mas ela continua na mesma meta inicial, priorizando a qualidade, investindo alto na educação teológica, no melhor preparo de seus obreiros e líderes; no funcionamento regular de seus concílios, para que cada um cumpra fielmente as sua funções, sempre visando a evangelização do homem integral, e a edificação da Igreja, atingindo as necessidades básicas do ser humano, sempre com o propósito de honrar e glorificar a Deus, o nosso Soberano Senhor.

PASTOR DA IGREJA